Filas e atrasos do INSS devem ir até outubro

Pelo fim das filas: Presidente do Instituto diz que atrasos só serão resolvidos daqui a sete meses

contra_as_filas_do_INSS
Fila em posto de atendimento do INSS

O presidente Jair Bolsonaro editou a Medida Provisória 922/2020 que autoriza a contratação temporária de servidores civis federais aposentados pelo INSS. A MP foi publicada nesta segunda-feira (2/2) no Diário Oficial da União.

A medida visa amenizar a fila de 1,8 milhão de pessoas à espera da análise dos seus pedidos de benefício. O texto da MP também permite a contratação por outros órgãos federais em caso de emergência.

O governo federal deve publicar, até o próximo dia 20, um edital com as regras da contratação de profissionais temporários sem concurso público. Inicialmente o objetivo é acelerar a análise e a concessão de benefícios previdenciários com a contratação de mais de 8 mil servidores públicos já aposentados ou militares da reserva.

Nas contas do Ministério da Economia, essa operação no INSS deve custar R$ 160 milhões este ano.

‘Normalidade só no ano que vem’

O presidente do INSS, Leonardo Rolim, acredita que isso ajude a reduzir a fila de espera a partir do mês de outubro. E que, no ano que vem, a situação volte ao patamar de normalidade, como era em 2013.

“Nessa velocidade que a gente vai reduzindo, a gente precisaria de algo em torno de um ano para alcançar ao objetivo que é voltar ao patamar anterior a 2013, com a média de 20, 25 dias, que entendo eu é a ideal. Hoje está na casa de um pouco mais de 80 dias”.

(Leonardo Rolim)

O Presidente do Instituto Nacional do Seguro Social – INSS, Leonardo Rolim, durante entrevista à imprensa

Contratos devem valer por dois anos

Os contratos temporários terão duração máxima de dois anos. Os valores recebidos por esses trabalhadores não serão incorporados à aposentadoria, nem poderão gerar benefícios previdenciários.

O pagamento será feito de duas formas. Por jornada de trabalho, no caso dos servidores públicos civis e militares. Ou por produtividade, no caso dos civis. Só pode se candidatar a essas vagas quem se aposentou até o dia 28 de fevereiro deste ano.


(* Com informações do Conjur e da Rádio Agência Nacional – links abaixo

https://www.conjur.com.br/2020-mar-02/medida-provisoria-autoriza-contratar-servidor-aposentado-inss

http://radioagencianacional.ebc.com.br/economia/audio/2020-03/edital-para-contratacao-de-profissionais-temporarios-para-o-inss-sai-ainda-em


Ouça a reportagem pela Rádio Agência Nacional –


3 Replies to “Filas e atrasos do INSS devem ir até outubro”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *